Deus não se esquece de você


“Porventura pode uma mulher esquecer-se tanto de seu filho que cria, que não se compadeça dele, do filho do seu ventre? Mas ainda que esta se esquecesse dele, contudo eu não me esquecerei de ti” (Isaías 49:15).

Introdução
Embora o amor de uma mulher por seu filho seja resultado de uma ligação física através da relação materna, por várias circunstâncias da vida, tanto espiritual, emocional ou por outra razão, ela poderá se esquecer de seu filho. Porém, Deus jamais se esquece de seus filhos, aqueles que invocam o seu nome, a saber: Jesus.
A palavra esquecer tem o significado de: apagar da lembrança, pôr de lado, desprezar, perder o amor, a estima, tirar da memória. Temos uma vasta aprendizagem sobre o significado desta palavra e o quanto ela se torna dura na vida de quem foi esquecido, no caso aqui tratado (versículo 15 de Isaias), pela sua mãe.
Existem pelo menos duas possibilidades que fazem com que uma mãe se esqueça de seu filho:

1° A mãe pode ser desnaturada, ou seja, que não tem sentimentos naturais, desumana ou cruel. 
Exemplos: Aquelas que entregam seus filhos para outras pessoas sem qualquer razão justificável. Ou, as que os abandonam no lixo. Ou ainda, em casos extremos, as que assassinam seus filhos.

2° A mãe pode estar sofrendo uma crise muito forte.
Exemplo: Crise conjugal ou alguma doença psicológica.

Sabe-se que desde a década de 70, os índices de adolescentes gravidas têm aumentado e a média de idade de gestantes diminuído. No Brasil, estima-se que 20 a 25% do total de mulheres gestantes sejam adolescentes. O Brasil é um dos campeões em aborto no mundo. Além disso, a cada 2 dias um bebê é abandonado nas grandes cidades. Cerca de 15% das mulheres sofrem depressão pós-parto conhecido como período puerperal da mulher. Elas perdem o interesse e o prazer de viver, tem alteração de sono e as vezes rejeitam o bebê.
Por outro lado, Deus não se esquece de você! Sabe o por quê? Porque Ele é onipresente: nada escapa de seu olhar (provérbios 15.3); onisciente: conhece todas as coisas em nossa vida (Mateus 10.30); oniciênte: a mente de Deus é eterna (Amós 8.7).

Alicerce Bíblico
Em Genesis capitulo 12, Deus prometeu uma benção a Abraão, mas somente 430 anos depois cumpriu essa promessa (êxodo 2.24), que diz “... e lembrou Deus o pacto que fizera com Abraão...”
Deus não se esquece de seus filhos, veja algumas razões:
1° porque somos a coroa da sua criação (Mateus 6.25,26);
2° por causa de seu imensurável amor (Romanos 5.8);
3° por causa da sua misericórdia (Lamentações 3.22,23);
4° por causa da sua grande fidelidade (II Timóteo 2.13).

Conclusão
Concluo este breve estudo dizendo que, mesmo nos momentos difíceis da nossa vida onde todas as possibilidades humanas já se esgotaram, onde tudo ou todos podem nos abandonar ou esquecerem-se de nós, temos um Deus poderoso e maravilhoso que jamais nos esquece. Mesmo em tempos passados quando o homem O havia esquecido, Ele, mesmo assim, enviou o seu filho, o seu único filho, por amor a humanidade (João 3.16). Esse é o recado de Deus para cada um de nós: Mesmo que o Homem se esqueça de mim, Eu o Senhor, jamais me esquecerei da humanidade. Deus nos abençoe!




0 comentários:

Postar um comentário